natalia

sábado, 17 de abril de 2010

Facadinhas da Psicótica


Papo de night:
"Você trabalha com quê?", ele me perguntou, forjando um interesse quase crível.
"Ah, eu escrevo", respondi, sem muita paciência de explicar o resto.
"Que legal", ele reagiu. "Queria muito saber escrever."
Então eu ri e disse para ele não se preocupar, que havia programas de alfabetização na cidade.

11 comentários:

  1. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    #EscroticeModoON
    Agora, fala sério, o cara devia ser um porre ou definitivamente não valia a pena, para você ter retalhado assim, né?
    Esse tipo de resposta a gente deixa para o segundo encontro, hahahaha

    ResponderExcluir
  2. NOSSAAAAAAAA ESSE MERECEU, PELAMOR COMO PODE UMA PESSOA DESSAS! HAUHAUHAUHAUHAUHAUHAUHAUHA VERGONHA ALHEIA DESSE FULANO!

    ResponderExcluir
  3. Há de dar ouvidos à rapazes com curriculo mais qualificado...

    ResponderExcluir
  4. Levou um corte daqueles, depois disso ficaria até envergonhado hahaha

    ResponderExcluir
  5. Mas Natália, tu tá cruel, hein!
    Bem feito, eles merecem!

    ResponderExcluir
  6. Mais do que merecido!
    Estou rindo sozinha no pátio da faculdade enquanto leio seus textos ao invés de ir para aula

    ResponderExcluir

 
Designed by Thiago Gripp
Developed by Márcia Quintella
Photo by Biju Caldeira