natalia

domingo, 10 de outubro de 2010

Rapidinhas da Psicótica


Começa com uma pequena ardência no nariz, que vai se espalhando pelo rosto, contagiando as bochechas em direção aos olhos. Quando isso ocorre, é muito difícil reverter o processo, pois todos os músculos faciais estão envolvidos no esquema.
A tentativa de lutar contra essa conspiração é válida e até digna, mas, a essa altura, sinto-lhe informar que será em vão. Porque seu corpo já está decidido, a despeito do que você havia planejado.
É uma pena, meu bem. Mas você vai chorar.





CRYING IN THE RAIN - versão A-Ha.

13 comentários:

  1. Eu choro muito..Então passo muito por isso! Bju

    ResponderExcluir
  2. é...sei bem como é...
    mas o chato é qdo isso fica preso, comigo acontece muito! O choro simplismente não sai, sei la, fica como se fosse um choro imaginário, e eu... eu quase explodo! Meus músculos faciais não ajudam...hehehehhe

    ResponderExcluir
  3. Achei que falaria sobre ficar vermelha..

    Hahaha!

    Me divirto muito com as tuas histórias e te sigo desde que a Martha Medeiros indicou..

    Sorte na nova etapa televisiva!

    Não perco um episódio!

    Beijo!

    ResponderExcluir
  4. exatamente assim.

    ResponderExcluir
  5. a competencia esta estambata nas suas atuassoes!!!vc vai longe.

    ResponderExcluir
  6. Demais a esência contida nas suas palavras, admiro o seu trabalho!

    ResponderExcluir
  7. Conheci seu blog através da sua série de TV no Multishow. Ah! Quase ia me esquecendo, também acompanho seu trabalho na Tv Globo, atuando em Macho Man.
    Quando comecei a ler seus textos não consegui parar mais. Sua rítmica narrativa é surpreendente!!
    Notei também uma coisa peculiar, percebi que ao ler seus textos é como ouvir você falando. Sua entonação e as pausas que dá enquanto fala segue igualmente nas narrativas de seu texto. Ler qualquer coisa sua em voz alta, respeitando corretamente as pontuações, é como estar imitando seu modo de falar. Isso é incrível! Nunca vi ninguém com estilo tão característico, que consegue ser a mesma falando ou escrevendo.

    Meu nome é Geraldo, tenho 21 anos e sou poeta, tenho alguns livros. Eu ia adorar que você conhecesse meu trabalho.
    josegeraldo_neto@hotmail.com

    ResponderExcluir
  8. E quando você quer chorar, não adianta prender, deixa soltar!

    ResponderExcluir
  9. Natália conheci seu blog da mesma forma que o Geraldo, e concord com tudo que ele falou!
    Tenho um blog, diferente do comum, e depois que lí esse poste seu aqui resolvi postar esse texto http://garotajaca.blogspot.com/2011/08/t0ilet.html

    agora relendo o meu blog e o seu... resolvi tentar compartilhar essa com vc!
    Choro, coco... coisas que saem do corpo... Espero que voce ache engracado!

    ResponderExcluir
  10. o pior é a dor de cabeça insuportável depois...

    ResponderExcluir

 
Designed by Thiago Gripp
Developed by Márcia Quintella
Photo by Biju Caldeira